Mas você é tão bonita, você precisa de coisa pra fazer...

by - 19:26





Olá meus lindos e lindas, e ai como estão? É pra ser sincero de verdade hein! Rs’
Como já falei pra vocês nos posts anteriores, aqui na página iremos falar sobre tudo que nós quisermos! Isso ai, tudo mesmo! Então se você tem uma ideia de algum assunto, me manda ai, vai ser um prazer escrever sobre o que mandar. Isso vale também para as suas histórias de vida e experiências, ah e se você não quiser se identificar, não precisa, deixarei sua identidade segura!

Bom, como vocês já puderam perceber hoje eu trouxe um tema que aflige muitas pessoas e é considerado um tanto quanto polemico, quando na verdade é uma doença como outra qualquer e requer cuidados e acompanhamento médico.
A depressão é uma doença tão antiga quanto o famoso resfriado, relatos históricos nos mostram que antes mesmo de Cristo ela já existia, entretanto os pensadores como Hipócrates (400 A.C), usavam o termo “mania” e “melancolia” para denominar as perturbações mentais. Na época da Revolução Francesa que foi também a época da renovação do espírito humanístico, onde Philippe Pinel teve a genial ideia de “romper as cadeias dos alienados”, ou seja, desmistificar com a ideia de que as doenças mentais eram demônios que atormentavam a mente dos cidadãos, a partir de então a medicina passou a mostrar um interesse pelas doenças mentais, entre elas a Depressão.
Foi então, durante o século XIX que começaram a organizar pesquisas para identificar e tratar as doenças mentais, permitindo então classificar os transtornos psíquicos em grupos de pacientes que sofriam dos mesmos sintomas ou sintomas parecidos, cujas muitas daquelas descrições continuam hoje a ser perfeitamente válidas. E nos últimos anos as ciências básicas, tais como, a biofísica, bioquímica, anátomo-patologia entre muuuuitas outras dentro da psicologia propiciou novos pensamentos e tratamentos para a depressão.

Depois dessa maravilhosa mini aula de história, você deve estar pensando “Uaaaau que show, mas porque ela acontece?”, pois bem vamos lá, prometo que já estou terminando! Kkkkkk’
Basicamente existem dois “tipos” de depressão, a mecânica e a química...
A mecânica ocorre por um fator externo a você, atinge de fora pra dentro, digamos assim, pode se dar quando um ente querido vem a falecer, um acidente, um constrangimento, uma decepção e até mesmo o bullying pode causar a depressão. O tratamento para esse tipo é terapia, com um psicólogo.
Já a química acontece pela falta de um hormônio chamado serotonina, ele que é o grande responsável por nossas emoções e em maior parte a alegria! Quando ocorre a depressão química, o paciente começa a fazer uso de medicamentos (receitados apenas por psiquiatras) e também continuam com a terapia, onde vai saber como controlar os sentimentos e saber lidar com você mesmo durante as crises.

Até aqui tranquilo, não é mesmo? Haha’
Bom, o que falta agora são os sintomas, entretanto os sintomas variam de pessoa para pessoa, vou citar alguns aqui, mas fique bastante atento, você pode ter esses sintomas esporadicamente que pode ser apenas um momento triste, mas se sentir constantemente e/ou a mais de duas semanas, infelizmente pode ser sim a depressão, por favor, fique de olho em ti e nos que estão ao seu redor.
  •     Humor triste, ansioso ou “vazio” persistente
  •     Sentimentos de desesperança ou pessimismo
  •     Irritabilidade
  •     Sentimentos de culpa, inutilidade ou desamparo
  •     Perda de interesse ou prazer pela vida, hobbies e atividades
  •     Diminuição da energia ou fadiga
  •     Mover ou falar mais devagar
  •     Dificuldade de concentração, lembrança ou tomada de decisões
  •     Dificuldade para dormir, despertar de manhã cedo ou dormir demais
  •     Apetite e / ou alterações de peso
  •     Pensamentos de morte ou suicídio, ou tentativas de suicídio

E pra finalizarmos, se você conhece alguém que tenha depressão ou que se enquadre nos sintomas listados a cima, seja amigável com essa pessoa, mostre que está disposto a ajudar, se for preciso vá com ela ao médico. Mas jamais, JAMAIS diga que é frescura, falta de Deus, falta de atenção ou então falta do que fazer.
Muitas pessoas boas desse mundo já foram ceifadas pela depressão, não precisamos que esse número cresça.

Então é isso meus amores, caso você precise de um ombro amigo, volto a repetir, estou aqui pra te ouvir!
Caso você esteja passando pelo que falamos aqui, procure ajuda quanto antes melhor, experiência própria! :)

Espero que tenha esclarecido algumas dúvidas e até o próximo post...

Beijinhos e fiquem bem...
Ah e entes que eu esqueça, sorria! Você é sensacional demais pra ficar cabisbaixo!


You May Also Like

6 comentários

  1. Respostas
    1. Obrigada Clarissa, volte mais vezes! ❤️

      Excluir
  2. Muito bem citado, o preconceito com quem tem depressao acaba agravando a situação da pessoa. Realmente eu me vejo com alguns desses sintomas e não é facil de lidar sozinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, e isso serve apenas como gatilho para que a pessoa fica pior ou faça coisa pior!
      Phillip se precisar de um ombro amigo, conversar, desabafar, fica a vontade para entrar em contato, sei como é difícil passar por isso sozinho.

      Excluir
  3. Muitoooo bom!!!
    Parabens pelo texto!
    Espero pelos próximos temas!
    ABS,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada!
      Espero que volte sempre :)
      Beijinhos

      Excluir